Prêmio Engenho de Comunicação revela vencedores de 2019

Considerado o Oscar do Jornalismo de Brasília, o Prêmio Engenho de Comunicação - O Dia em que o Jornalista Vira Notícia revelou na noite desta quarta-feira (04/09) os vencedores da edição de 2019.


A festa foi na Embaixada de Portugal e reuniu cerca de 400 convidados entre jornalistas e autoridades. “É o momento de celebrar a liberdade de expressão por meio do trabalho dos jornalistas que acompanham o dia a dia da Capital do País”, avaliou o Ministro da CGU, Wagner Rosário, presidente da comissão julgadora de 2019. 



Neste ano, foram contempladas sete categorias. Três jornalistas foram homenageados e Nilson Klava, da Globo News, foi eleito o Jornalista do Ano. A apresentadora da premiação foi Maria Paula, ex-Casseta e Planeta. Após a entrega dos troféus, Negra Li animou a festa com o show Raízes. Os convidados puderam curtir a apresentação de pertinho e, ao final, a cantora foi para a pista encantando os presentes com a interpretação animadíssima de “I Feel Good”. 

“Cerca de 90% das manchetes do Brasil são feitas a partir de Brasília. O Prêmio Engenho valoriza o trabalho dos jornalistas que atuam na capital”, defendeu a presidente da premiação, a empresária e jornalista Kátia Cubel. Desde 2004, Kátia promove o Prêmio, que faz parte do calendário oficial do DF. 

Neste ano, a premiação foi viabilizada por meio do patrocínio do Senar, da Coca Cola Brasil, do Sistema Cofeci-Creci e de Marcus Vinicius Furtado Coêlho Advocacia; e do apoio da Federação das Indústrias do Distrito Federal (Fibra), do BRB, Renata La Porta e Embaixada de Portugal. 


Bruno Nalon e Eliziane Carvalho

Cristina Rocha e Gilberto Occhi

Délis Ortiz e Eduardo Barbosa

Cantora Negra Li

Julia Cubel, Katia Cubel e David Rosário

Julio de La Guardia, Katia Cubel e Jorge Cabral

Marcus Vinicius Furtado, Luiz Piauhylino e Adelmir Santana

Maria Paula, ex-Casseta e Planeta

Fotos: Paulo Geovane


Vencedores

Neste ano, a comissão julgadora foi formada pelo ministro da CGU, Wagner Rosário;  pelo ministro da AGU, André Mendonça; pelo Embaixador de Portugal, Jorge Cabral; pelo presidente do Cade, Alexandre Barreto; pela Diretora Jurídica do Senar/CNA, Eliziane Carvalho; e pela administradora de Brasília, Ilka Teodoro. Após oito reuniões ao longo do ano, eles elegeram os grandes vencedores do 16º Prêmio Engenho de Comunicação:

Categoria - Vencedor

Melhor Programa de Rádio - CBN Brasília

Melhor Programa de TV - DF Record

Melhor apresentador - Antônio de Castro, da Rede Globo

Melhor colunista - Leonardo Cavalcanti, do Correio Braziliense.

Melhor Veículo Impresso - Correio Braziliense

Melhor Site - Jota

Melhor Cobertura de Brasília - Metrópoles


O 16º Prêmio Engenho de Comunicação ainda homenageou os jornalistas: Délis Ortiz, José Maria Trindade e Sérgio Amaral. O júri destacou como o Jornalista do Ano, Nilson Klava. Aos 24 anos, ele é o profissional mais jovem a ser indicado nesta categoria.